48 3234-7247 | 48 3364-7247

Área do Cliente Cadastre o seu e-mail

Nutracêuticos

« voltar
Formulário do Nutricionista - Vol. 2 - Suplementação Pós-Cirurgia Bariátrica

R$ 139,00
à vista

Formulário do Nutricionista - Vol. 2 - Suplementação Pós-Cirurgia Bariátrica

44 páginas, 31 fórmulas

Introdução

As deficiências de micronutrientes são as principais alterações que colocam em risco o sucesso dos procedimentos cirúrgicos. A prevenção das deficiências de vitaminas e minerais exige acompanhamento dos pacientes em longo prazo e o conhecimento das funções desses micronutrientes no corpo humano, além dos sinais e sintomas de sua deficiência. A suplementação nutricional em longo prazo, embora muito enfatizada como importante conduta terapêutica, ainda representa um obstáculo para o sucesso do tratamento cirúrgico da obesidade.

Após a cirurgia, o acompanhamento nutricional tem como principais objetivos:
• Detectar alterações gastrintestinais e auxiliar no controle das possíveis intercorrências;
• Controlar a ingestão calórica, de macro e micronutrientes (vitaminas e minerais), prevenindo possíveis excessos ou déficits de consumo;
• Acompanhar a perda de peso e alterações da composição corporal, prevenindo perdas em excesso ou aquém do esperado;
• Evitar perda excessiva de massa magra;
• Prevenir possíveis deficiências de micronutrientes, que causariam anemia, hipovitaminoses e outras.

O acompanhamento nutricional é fundamental tanto no período pré-operatório quanto no período pós-operatório.
O nutricionista segundo a resolução nº 390/2006 do Conselho Federal dos Nutricionistas, ao realizar a prescrição dietética de suplementos nutricionais deverá:
• Considerar o indivíduo globalmente, respeitando suas condições clínicas, sócio-econômicas, culturais e religiosas;
• Considerar diagnóstico, laudos e pareceres dos demais membros da equipe multidisciplinar, definindo com estes, sempre que pertinente, a conduta de atenção;
• Avaliar quais nutrientes possam eventualmente estar em falta no organismo por deficiência de consumo ou distúrbio na biodisponibilidade;
• Considerar que, após a correção de hábitos alimentares, poderá haver necessidade de suplementação nutricional para suprir possíveis deficiências de nutrientes;
• Respeitar o princípio da bioética.

A prescrição dietética deverá sempre ser precedida de avaliação nutricional sistematizada, envolvendo critérios objetivos ou subjetivos que permitam a identificação ou risco de deficiências nutricionais.

Conteúdo
Introdução
Índice de massa corporal
Cirurgia bariátrica
Indicações
Contraindicações
Técnicas cirúrgicas

Restritivas
- Banda gástrica ajustável
- Balão intragástrico

Mista predominantemente restritiva
- Derivação gástrica (bypass) em Y de Roux

Mista predominantemente disarbotiva
- Derivação biliopancreática em gastrectomia horizontal
- Derivação biliopancreática com duodenal Switch

Vantagens e desvantagens das diferentes técnicas de cirurgia bariátrica
Pós-operatório
Benefícios
Complicações da cirurgia bariátrica
Acompanhamento nutricional em cirurgia bariátrica
Orientações nutricionais

Prescrição dietética de suplementos nutricionais pelo nutricionista

ATIVOS
Vitaminas lipossolúveis
• Vitamina A
• Vitamina D
• Vitamina E
• Vitamina K
Vitaminas hidrossolúveis
• Ácido Fólico
• Vitamina B1
• Vitamina B6
• Vitamina B12
• Vitamina C
• Minerais
• Cálcio
• Cobre
• Ferro
• Selênio
• Zinco
Macronutrientes
• Whey protein

Sugestão de Formulações

Principais deficiências ou complicação
metabólicas e seus respectivos tratamento e prevenção

INGESTÃO DIETÉTICA DE REFERÊNCIA (IDR) e UL (limite máximo tolerável)
Recomendações nutricionais após diferentes tipos de cirurgias bariátricas
Vitaminas e minerais na gestação


Formulário enviado em CD-Rom.
As despesas de envio serão calculadas de acordo com o CEP de entrega. Venda somente à empresas do ramo, sendo vetada à venda deste material ao público em geral, escritórios de advocacia ou outras empresas de consultoria farmacêutica.